Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

26/04/2018 12:48
  • Prefeitura do Natal lança Orçamento Participativo de 2018

A população de Natal no centro das decisões sobre quais obras e ações as gestões públicas devem realizar nas comunidades. Este é o objetivo do Orçamento Participativo. O programa tem uma atenção especial da Prefeitura de Natal. Na próxima quinta-feira (03), a Secretaria Municipal de Planejamento fará o lançamento oficial do Orçamento Participativo de Natal 2018. Na oportunidade, será a apresentada a metodologia do processo para a definição dos investimentos, como também haverá a formação da Comissão Provisória do OP/2018. Para este ano, está garantido um percentual de 1,5% do orçamento municipal para o programa. O evento acontecerá no auditório da Secretaria Municipal de Administração - Rua Santo Antônio, 665, Cidade Alta.

 

Depois deste primeiro momento, ocorrerão reuniões com a população de cada região. No dia 12 de maio, na Igreja Católica de Mãe Luíza, ocorrerá o encontro com os moradores da zona Leste. No dia 19, será a vez dos moradores da zona Oeste se encontrarem na Escola Municipal Emmanuel Bezerra e em uma segunda reunião no mesmo dia, no salão paroquial da Igreja Nossa Senhora da Esperança. A discussão com a população da zona Norte será dia 26 de maio também em dois momentos. O primeiro acontecerá no CRAS Nossa Senhora da Apresentação e o segundo na Área de Lazer do Panatis. Já no dia 02 de junho, os moradores da zona Sul debaterão sobre as prioridades para a região no auditório do CREA.

 

Virginia Ferreira, secretária municipal de Planejamento, informou que estes encontros servirão para que a população defina as temáticas prioritárias para receberem os investimentos da Prefeitura: “São encontros muito proveitosos e ricos de conteúdo. As principais necessidades da população natalense estão sempre ligadas às áreas da saúde, educação, mobilidade urbana, defesa social e transparência”, revelou.

 

Ela também comenta que o Orçamento Participativo confere ainda mais transparência ao processo de fiscalização do dinheiro público municipal pela sociedade, já que são os próprios cidadãos sáo os agentes ativos das decisões tomadas pela gestão pública. Virgínia reforça o convite para que todos os seguimentos da sociedade civil organizada compareçam ao evento para juntos decidirem sobre o que é melhor para a capital potiguar. “Esse é o primeiro passo e é muito importante a participação de todos os setores da sociedade para obtermos sucesso na proposta final do Orçamento Participativo de 2018”.

 


O Orçamento Participativo segue a premissa de que ninguém está em posição melhor do que os próprios cidadãos para definir onde o dinheiro público deve ser investido. De acordo com o prefeito Álvaro Dias, é de fundamental importância para a gestão ouvir a população acerca das demandas de suas comunidades para a formulação de políticas públicas mais efetivas: “O programa mostra todo o respeito e o compromisso da administração gestão municipal com os moradores da cidade, que se sentem valorizados por serem ouvidos e terem o poder sobre a destinação do dinheiro de seus impostos”.


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css